ROBERTO SCHULTZ REVERTE DECISÃO EM AÇÃO MOVIDA POR ATRIZ DA REDE GLOBO.

Apesar da informação amplamente divulgada pelos meios de comunicação, sobretudo do Centro do País (leia aqui, por exemplo: http://imirante.globo.com/namira/brasil/noticias/2015/04/14/marina-ruy-barbosa-recebera-indenizacao-por-danos-morais-no-valor-de-r-30-mil.shtml ), a notícia veiculada é INCORRETA E PARCIAL. As informações CORRETAS estão disponíveis a qualquer interessado no site do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro.

ROBERTO SCHULTZ atuou como Advogado da VIA MARTE CALÇADOS e reverteu parcialmente a decisão que originalmente era totalmente favorável à Atriz.

Primeiro, é preciso deixar claro que a VIA MARTE CALÇADOS veiculou a imagem da Atriz no seu blog sobre tendências de moda, mas (naquela ocasião) apenas REPLICANDO notícia já publicada em outro blog de moda. A Atriz não foi associada; em momento algum, aos produtos da VIA MARTE CALÇADOS e nem estava usando qualquer desses produtos. A matéria teve caráter meramente elogioso e usou a Atriz apenas como referência de moda.

Quanto à Decisão Judicial do Forum da Barra da Tijuca (RJ), Marina Ruy Barbosa PEDIU na Justiça DANOS MORAIS e DANOS MATERIAIS (o tal “cachê” equivocadamente anunciado) mas – mediante a intervenção de ROBERTO SCHULTZ - obteve ganho de causa somente em relação aos DANOS MORAIS anunciados. Quanto ao cachê, foi VENCIDA na Justiça, apesar das notícias divulgarem EQUIVOCADAMENTE O CONTRÁRIO disso.

E, aliás, a mesma Atriz SEQUER RECORREU da decisão que a considerou vencida em relação a esse cachê. O Processo teve a situação inusitada de terem sido publicadas DUAS SENTENÇAS DIFERENTES, pela mesma Juíza. Um assinada digitalmente e outra assinada graficamente pela Juíza.

Ao final, revertemos a decisão que também condenava a VIA MARTE CALÇADOS a pagar DANOS MATERIAIS à Atriz.

VIA MARTE CALÇADOS é Cliente ROBERTO SCHULTZ desde 2006.

Comentários

POSTAR UM COMENTÁRIO

Seja o primeiro! Envie seu comentário, dúvida ou sugestão.